Mesmo para empresários do maior mercado consumidor do mundo, os Estados Unidos, a concorrência também é global. Entre os mais de 1 milhão de vendedores da Amazon.com, 37% estão baseados na China. Se considerarmos apenas os números dos principais vendedores do marketplace – aqueles que vendem mais de $1 milhão anuais – 49% deles estão baseados na China contra 47% no próprio Estados Unidos. Os outros 4% estão espalhados pelo mundo. 

Dentre toda base de vendedores ativos da Amazon Americana, 50% estão localizados em outros países.

Em apenas um ano os vendedores Chineses aumentaram sua participação entre os TOP 10.000 vendedores da Amazon americana de 38% para 49%.

Os outros marketplaces da Amazon pelo mundo exibem comportamento similar. Enquanto na Amazon Americana dentro dos principais 10.000 vendedores 49% estão baseados na China, na Espanha eles representam 58%, na França 55% e na Itália 53%.

Para varejistas e fabricantes chineses, a Amazon é a plataforma direto ao consumidor mais eficiente para alcançar compradores em qualquer um dos países onde ela possui um marketplace forte. Em Dezembro de 2019 a Amazon sediou a 5ª Amazon Global Store Cross-Border Summit em Xangai.

Deveremos ter um movimento similar no Brasil a partir do momento em que o marketplace da Amazon brasileiro ganhar mais relevância no mercado. Com as facilidades que ela oferece em marketing, gestão e logística, as barreiras para entrada em um novo mercado são muito menores.

Leve em consideração, por exemplo, o que escrevemos no artigo 8 marketplaces da Europa que você precisa conhecer:

“Com uma empresa Americana você pode cadastrar seus produtos no marketplace da Amazon nos Estados Unidos, México e Canadá, além de poder disponibilizá-los nos países europeus em que a Amazon atua, como Inglaterra, França, Itália, Alemanha e Espanha. O marketplace permite também que você utilize os warehouses que possui nestes países para ter seus produtos à pronta entrega na Europa! Se preferir enviar os produtos dos EUA para os clientes na Europa, há opções de envio a partir de $12 e entrega em poucos dias.

Uma maneira simples de começar a vender na Europa é através de uma empresa nos Estados Unidos e utilizando a visibilidade e sistema logístico da Amazon. Ao abrir uma empresa nos EUA, você contará com toda a estrutura que precisa para fazer negócios também no continente europeu. A sua incorporação, área contábil e logística será unificada.”

Tal movimentação faz sentido para a sua empresa? Se fizer, entre em contato conosco. Somos especializados em ajudar empresas do Brasil e de mais de 20 países a estabelecerem uma operação nos Estados Unidos e à venderem na Amazon americana (e global).

Fonte: https://www.marketplacepulse.com/articles/chinese-sellers-outnumber-us-sellers-on-amazoncom