Saber os principais produtos exportados pode ajuda-lo a determinar sua estratégia de negócios. Por isso, compartilhamos hoje as 5 categorias de maior participação na exportação do Brasil aos Estados Unidos em 2016, conforme o Center for International Development at Harvard University.

Em primeiro lugar: 

1. Com 11,83% de representatividade e gerando $2,91 bilhões estão “Outras aeronaves (por exemplo, helicópteros, aviões); veículos espaciais (incluindo satélites) e suborbitais e veículos lançadores de espaçonaves”.

Você imaginaria isso? Pois é!

Essa informação pode ser supresa para muitos, entretanto, na Company Combo possuímos clientes de aeronaves experimentais que fazem parte deste relevante montante para a economia Brasileira. Para nós, não é novidade!

Na segunda posição está:

2. As “Commodities não especificadas de acordo com o tipo” que são diversos produtos sem especificação, que geram 8,27% com $2.03 bilhões em exportações brutas!

Em terceiro lugar:

3. O “Petróleo e óleos obtidos de minerais betuminosos, brutos”, representam 7,15% das exportações impactando com $1,76 bilhões em exportações brutas.

Na quarta posição:

4. O famoso produto brasileiro “Café, mesmo torrado ou descafeinado; cascas; sucedâneos do café contendo café em qualquer proporção” possui 4,12% de share e $1.01 bilhões em exportações brutas.

A maior parte do café exportado ainda é o bruto, aquele utilizado para composição de cafés de marcas americanas ou torrefação nos EUA. Mas este cenário está começando a mudar: há tempos temos clientes que exportam café para os EUA e vendem diretamente para o consumidor final via marketplace!

E no último lugar deste TOP FIVE:

5. Com 3,65% e $897 milhões em exportações brutas está “Pasta química de madeira de não conífera, à soda ou sulfato, semibranqueada ou branqueada – celulose”.

As pastas de madeiras são utilizadas na indústria do papel e, por isso, têm muita importância no comércio internacional!