O mercado norte-americano é o sonho de consumo de qualquer empresário. E abrir uma empresa nos Estados Unidos deixou de ser algo restrito aos investidores de grande porte.

Empresários brasileiros e de outras localidades podem desenvolver seus projetos globais através dos Estados Unidos mesmo sem estarem presentes no país. Apesar de ser um processo desafiador, é a porta de entrada para um mercado de grandes possibilidades, com a facilidade de fazer transações em dólar e os benefícios da desburocratização do sistema comercial e financeiro americano.

Neste vídeo vamos compartilhar o case da Snowman Labs, empresa de tecnologia e desenvolvimento de aplicativos móveis de Curitiba e cliente da Company Combo:

Ficou interessado também pelo processo de incubação da UCF? Acesse https://incubator.ucf.edu/. E para conhecer mais sobre a Starterstudio, aceleradora localizada em Orlando, acesse https://www.starterstudio.org.

Em seu portfólio, a Snowman Labs possui diversos projetos de aplicativos para smartphones e tablets. A empresa já trabalhou com o Sebrae, VHSYS (sistema de gestão empresarial), Bliive (rede social colaborativa de compartilhamento de tempo), entre outras marcas. São mais de 100 aplicativos desenvolvidos em mais de 70 projetos.

Atuação da Snow Labs nos Estados Unidos

A Snowman Labs decidiu não limitar seu mercado apenas ao Brasil. A startup passou a operacionalizar também na Flórida, principal destino dos empresários brasileiros. Como se sabe, abrir uma empresa nos Estados Unidos é uma vitrine para o mundo, dada a sua importância no mercado e o perfil americano de consumidor voraz.

O local foi estrategicamente escolhido, pois a legislação do estado favorece o registro de empresas para estrangeiros, bem longe da burocratização de abrir uma empresa no Brasil. A Flórida é reconhecidamente um dos melhores estados americanos para fazer negócios, provando que as atrações deste lugar não se limitam às praias de Miami ou a famosa Disney World em Orlando. Vale destacar que a legislação americana permite até mesmo que empresários não-residentes nos EUA abram uma empresa no país.

O fato é que a Snowman Labs aproveitou a desburocratização do sistema financeiro americano para desenvolver seu projeto global através dos Estados Unidos. É a porta de entrada para um mercado de incontáveis possibilidades. Com isso, a Snowman Labs hoje cria soluções de tecnologia para todo o planeta. Com um atrativo imediato: fazer transações em dólar.

A relação entre operacionalizar com real e dólar é bastante tênue, mas claro que a valorização da moeda americana em relação a nossa salta aos olhos de qualquer empresário. Some-se a isso a credibilidade de estar na maior economia global, o que faz toda diferença no posicionamento da marca perante o mercado. Par saber mais sobre o assunto, acesse os nossos conteúdos!